Liberdade garantida aos homossexuais egodistônicos

Os homossexuais egodistônicos, aqueles que não se aceitam em sua orientação sexual, não podiam buscar ajuda psicológica profissional a fim de receberem apoio para a sua escolha pessoal de viverem resolvidos com o sexo que nasceram, em função de uma perigosa resolução do CFP - Conselho Federal de Psicologia (001/1999), numa retrógrada violação dos direitos... Continue lendo →

Site no WordPress.com.

Acima ↑