Com que Direito?

A Declaração Universal dos Direitos Humanos, aprovada pela ONU, tornou-se famosa pela sua amplitude e pelo respeito que volta ao ser humano.

Vejam que interessante dois artigos dela:

Art. 16º – A família é o núcleo natural e fundamental da sociedade e tem direito à proteção da sociedade e do Estado.

Comentário: para ser “núcleo natural” ela deve seguir a sua natureza: homem, mulher e sua prole. E o Estado, no dever de proteger (juntamente com a sociedade), deveria opor-se a qualquer condição que contrarie a naturalidade da família; pelo contrário, ele deve preservar. Casamento que não o heterossexual e adoção de crianças por uniões de pessoas do mesmo sexo contrariam a natureza da família como sempre foi e será. Como não podem acabar com a ideia da família (as pessoas não aceitariam isso), distorcem o conceito dela.

Art. 26º – Todo homem tem direito à educação (…)
b) os pais têm prioridade de direito na escolha do gênero da instrução que será ministrado a seus filhos.

Comentário: Não é isso que temos visto em nossos dias, querem tirar o direito dos pais opinarem, escolherem e decidirem sobre a educação dos seus filhos, forçando um Estado que decide pela família e desautoriza os pais. Além disso, na outra ponta, temos pais que abandonam mesmo a educação de seus filhos (ô mundo cruel!).

Bom, tanto em uma coisa como em outra, vemos que a passividade ou a coerção do Estado acerca do seu dever tem vilipendiado a família, e os Direitos Humanos, no entendimento desta Declaração Universal. Mas ele não faz isso sozinho, mas sim pelos que o regem. Os valores estão nas pessoas, instituição são só instituições.

A dica da Angela Merkel para a Alemanha volta a ler a Bíblia deve valer para todas as nações – sobretudo o Brasil.

Eleanor Roosevelt exibe cartaz contendo a Declaração Universal dos Direitos Humanos (1949). A Declaração Universal dos Direitos Humanos, que delineia os direitos humanos básicos, foi adotada pela Organização das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: