Os Batistas no mundo

thomas
Thomas Helwys

Quem são os Batistas?

Antes da Reforma Protestante já havia muitos grupos religiosos à margem do catolicismo, como os Anabatistas e Menonitas que defendiam doutrinas semelhantes aos batistas, como o batismo de adultos. Mas, seguramente a história dos batistas ganhou força com um movimento dissidente do Anglicanismo inglês, conhecido como Separatistas. O pastor anglicano John Smyth, formado em Teologia por Cambridge, tornou-se dissidente do anglicanismo ao fazer parte do movimento separatista que pregava a separação entre igreja e Estado, o que constituía em críticas aos reis anglicanos. Defendia a existência de um Estado laico que não estaria vinculado a nenhuma crença religiosa, nem admitia interferência de qualquer igreja nos assuntos políticos. Em contrapartida, esse Estado também não deveria interferir nas crenças pessoais, fazendo prevalecer o ideal de tolerância religiosa.

Em razão da perseguição sofrida por criticar a relação viciada Estado e igreja, teve que fugir com sua congregação para a Holanda em busca de liberdade religiosa, onde foram acolhidos e influenciados pela comunidade Menonita. Lá, dedicou-se ao estudo das Escrituras, aprofundando seus conhecimentos nas línguas em que a Bíblia foi escrita – hebraico, aramaico e grego. Em seguida descobriu que não há base bíblica para o batismo infantil e isso colocou em xeque seu batismo e o de toda a congregação que dirigia. Então, ele próprio se rebatizou, fez o mesmo com seu advogado e ajudador Thomas Helwys, que mais tarde se tornou um pastor batista, e os dois rebatizaram os demais congregados, cerca de 30 pessoas. Surgiu assim em 1609 a primeira igreja denominada batista da história, em Amsterdã. Hoje, os batistas somam mais de 100 milhões de pessoas espalhadas pelo mundo.

Influência mundial

billy-graham-novo.jpg
Billy Graham

Os batistas tornaram-se conhecidos especialmente pelo grande esforço missionário e contribuição dada ao longo da história em defesa da liberdade de consciência individual e religiosa, como também defendiam a separação entre Igreja e Estado. Dentre homens e mulheres batistas que marcaram a história da humanidade, podemos falar de William Carey, o “pai das missões modernas”, linguista, tradutor da Bíblia para dezenas de línguas, missionário na Índia por 42 anos. Pregadores mundiais de grande destaque são batistas, como John Bunyan (autor do livro O Peregrino, o mais vendido no mundo depois da Bíblia); Spurgeon, o “príncipe dos pregadores”; Billy Graham, considerado o maior evangelista de todos os tempos, pregador desde os anos 40, atrai multidões a campanhas evangelísticas ao redor do mundo, tendo pregado a aproximadamente dois bilhões de pessoas; e Rick Warren, pastor batista eleito pela revista TIME como um dos 15 líderes mais influentes dos Estados Unidos em 2004 e uma das 100 Pessoas mais Influentes do Mundo em 2005.

Outros defenderam causas importantes. Roger Williams criou o primeiro estado livre e separado da influência da igreja: Providence (Rhode Island – EUA), em 1636. O pioneiro do sistema de escolas públicas foi John Clark; o primeiro presidente do Harvard College, instituição que se tornou uma das mais respeitadas universidades do mundo foi Henry Dunster. Walter Rauschenbusch, teólogo e ativista social, forneceu uma base bíblica e teológica cristã de defesa da responsabilidade social e desafiou cristãos a lidar com os problemas sociais como pobreza, desemprego, criminalidade, urbanização, industrialização e imigração. Pregava que o Evangelho não pode ficar à margem das questões sociais. John Leland (1754-1841) pastor por quase 70 anos em diversas igrejas batistas, tornou-se conhecido como um porta-voz para a liberdade de expressão. Através dos seus sermões e intervenções públicas trabalhou para assegurar a liberdade religiosa para todos os americanos. Martin Luther King, Jr. Nobel da Paz que liderou a luta contra a segregação racial nos EUA. Seu mais famoso sermão intitulava-se “Eu tenho um sonho”.

charles-haddon-spurgeon-by-alexander-melville.jpg
Charles Haddon Spurgeon
guilherme-carey.jpg
Guilherme Carey, deu início as missões modernas

 

john-leland.jpg
John Leland (1754-1841), tornou-se conhecido como porta-voz para a liberdade de expressão
rick-warren.jpg
Rick Warren
rogerwilliam.jpg
Roger William

 

walter-rauschenbusch.jpg
Walter Rauschenbusch


(Autor desconhecido)

Conheça mais sobre a História da Igreja: https://vidabemmelhor.com/2017/10/06/os-batistas-e-a-reforma-protestante

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: