Sem Descanso Não Dá Para Viver

Por Stormie Omartian

Você sabia que dormir é tão necessário à sobrevivência quanto o ar, o alimento e a água? Sem ar, você não consegue sobreviver por mais de cinco minutos; sem alimento, não mais do que noventa dias; sem água, por mais de uma semana. Mas se você não dormir nem um pouco por mais de dez dias, morre. Nada mais substituirá o seu sono.

Já ouvi algumas pessoas dizerem: “vou comer mais hoje porque não dormi muito a noite passada”. Não é assim que a coisa funciona. Uma coisa não pode ser trocada pela outra. Na verdade, o sono é mais vital do que o alimento. Isso foi comprovado em uma experiência realizada por um médico e professor, e os resultados foram publicados em uma revista distribuída nos Estados Unidos.
Esse professor manteve uma ninhada de filhotes acordada por cinco dias. Ao fim desse período, todos os animais morreram, embora fossem bem alimentados o tempo todo. Enquanto isso, outra ninhada podia dormir quanto quisesse, mas não recebia nenhum tipo de alimentação durante vinte dias. Terminado aquele período, os filhotes estavam muito fracos, mas todos se recuperaram totalmente quando voltaram a ser alimentados. Esses resultados o não chegam a surpreender.
O Dicionário Houaiss da língua portuguesa assim define o sono: 
Estado fisiológico, que ocorre periodicamente, caracterizado por supressão da vigilância, desaceleração do metabolismo, relaxamento muscular, diminuição da atividade sensorial, suspensão das experiências conscientes que estão referidas no momento ao indivíduo e ao mundo e pela aparição concomitante de sonhos.
Durante o sono, o alimento é transformado em tecido. Certa quantidade desse tempo é necessária para isso, assim como para livrar o corpo de alguns venenos.
As células de seu corpo são reparadas e se reproduzem mais rapidamente quando você está dormindo do que quando está acordado e todas as funções do corpo estão em velocidade máxima. É por isso que não há substituto para o sono. Na verdade, ele muda a estrutura do sangue. Há certas coisas que precisam acontecer em seu corpo que só acontecem durante o sono. Um tranqüilizante ajuda a dormir, mas interfere em alguns processos necessários de seu corpo durante o sono.
Ser saudável, atraente e bonito depende de um sono bom e profundo. A falta de sono pode até se tornar um fator de aceleração do envelhecimento. E se não conseguir dormir o suficiente por muito tempo, você pode morrer. Um dos tipos de tortura usados em tempo de guerra era manter as vítimas acordadas até o ponto da insanidade ou quase morte, quando estariam prontas para ser programadas a fazer qualquer coisa. Subestimamosa poderosa necessidade de sono e a destruição que acontece no corpo quando somos privados desse descanso.
Extraído do livro:
OMARTIAN, Stormie. O segredo da saúde total: corpo, mente e alma; traduzido por Omar de Souza. São Paulo: Mundo Cristão, 2008. Págs. 214-216.
Comentário pessoal: 
Hoje eu estava terminando de ler este livro citado acima e achei interessante o que a autora escreveu. O sono faz parte da vida cristã diária. Jesus, possuidor de duas naturezas – humana e divina – também dormiu (Mc 4:38). Assim, com esse corre-corre todo que temos hoje, seja no mundo, seja na Igreja, resolvi reproduzir aqui no blog esse texto. Quem somos nós para não querer dormir e descansar? Será que ainda não cremos que: “Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão que penosamente granjeastes; aos seus amados ele o dá enquanto dormem.” Sl 127.1-2?
Às vezes é porque estamos ansiosos, mas sempre vale lembrar o ensino de Jesus: “Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes?… Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? …buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal” – Mt 6.25, 31, 33-34.
Acho que não preciso fazer um monte de ressalva que o alvo não é ensinar as pessoas a ficarem dormindo na rede o dia inteiro. De qualquer forma: não é. É trister ter sempre que fazer um esclarecimento, pois via de regra há um “‘crente’ sabichão” que diz: “Ah, então você está invalidando o valor do trabalho”. Não; é só uma palavra de equilíbrio para a geração correria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: